ONU e seu Conselho Americano Pró-Guerra

A reunião do Conselho da Indústria Armamentista, promovida pela ONU, dá mais um passo em direção ao morticínio. Alimentada principalmente pelos EUA, a indústria bélica foi atendida mais uma vez pelo chamado “Conselho de Segurança da ONU”, uma marionete americana montada para grandes espetáculos pré-massacres. Foi assim com o Afeganistão. Foi assim com o Iraque. E está sendo assim com o Irã. Enquanto alisa a cabeça israelense em suas contínuas violações à Declaração dos Direitos do Homem, o Conselho Armamentista da ONU, embasado em suas próprias armas nucleares, busca de todas as maneiras manter seus privilégios. Os americanos e britânicos, inventores de “planos do mal”, falsificam relatórios para, ao menos, “justificarem” seus abusos, sob a complacência da Rússia (afinal, Putin continua massacrando georgianos e outros povos sobre os quais detém domínio), da China (os tibetanos sabem disso), da França (americanos que falam francês) e total parcimônia das demais nações. Interessante notar que o Líbano se abstém. Ora, o Líbano, um enclave israelense-sírio na ONU, serve sempre de acobertamento dos genocídios de Israel e Síria. Como a Liga das Nações, a ONU está falida. Salve-se quem puder!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: